Amauri diz que uso de valores de depósitos judiciais dará respiro de quase R$ 2 bi ao Estado de Goiás

O deputado estadual Amauri Ribeiro afirmou em sessão da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, na quarta-feira, 11, que o projeto de uso de depósitos judiciais deverá acabar com parte das dívidas do Estado de Goiás.

Com a medida, o deputado estadual esclarece que o Governo Estadual terá acesso há quase R$ 2 bilhões. “Esse é um dinheiro que atualmente está parado, mas pode ser usado para pagar contas da administração, que vive a maior crise financeira da sua história”, afirmou o deputado Amauri Ribeiro.

Na sessão, o deputado afirmou que é preciso empenho dos colegas de legislatura, para que a medida garanta o pagamento de contas, deixadas por governos anteriores.

PEC da Educação

Durante a sessão, o deputado Estadual Amauri Ribeiro rebateu as críticas do líder da oposição, deputado Talles Barreto (PSDB) à gestão do governador Ronaldo Caiado (DEM).

Amauri argumentou que para proteger a educação para os municípios é preciso entregar os repasses, para cada cidade do interior goiano.

“Como que o deputado Talles Barreto apoia a educação? O governo que ele apoiou deixou uma dívida de R$ 38 milhões somente com a educação dos municípios. Apenas com a bolsa universitária, o governo passado deixou uma dívida de R$ 70 milhões”, apontou o deputado Amauri Ribeiro.

Na prática, a Proposta de Emenda Constitucional Estadual – PEC, aprovada na quarta-feira, em segunda votação, vincula os 2% da Universidade Estadual de Goiás (UEG) aos 25% da educação básica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui