Hugo recebe novos respiradores restaurados

Na unidade, 33 equipamentos estavam sem funcionamento antes da pandemia e foram recuperados pela parceria da SES com Senai e UFG.

O Hospital de Urgências de Goiânia Dr. Valdemiro Cruz (Hugo) recebeu nesta terça-feira, dia 27, cinco respiradores restaurados. Os aparelhos foram consertados pela parceria entre Secretaria da Saúde de Goiás (SES-GO), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e a Universidade Federal de Goiás (UFG) e vão ajudar no combate ao coronavírus.

A unidade de saúde do Governo de Goiás também cedeu colaboradores do departamento de Engenharia Hospitalar, no contraturno, para dar apoio ao serviço de restauração.

O Hugo tinha, no total, 33 máquinas sem uso, por falta de acessórios ou por algum motivo distinto que impossibilitava o conserto. Todos foram encaminhados aos laboratórios do projeto, para serem restaurados.

“Esses equipamentos tinham peças que poderiam servir para dar conserto a outras máquinas e até poderiam receber peças para voltar a funcionar, e isso nós conseguimos”, disse a engenheira hospitalar do Hugo Lidiany Leite.

“A pior coisa que um profissional da saúde pode ver é a falta de leito para algum paciente grave que precisa com urgência de Unidade de Terapia Intensiva para viver. Nessa oportunidade, em que o Hugo disponibilizou os 33 equipamentos para que fossem restaurados e retornassem não só para a nossa unidade, mas para a população, que nessa hora, mais que antes, carece, podemos dizer claramente que cumprimos com o papel”, complementa a engenheira.

Lidiany ainda ressalta a necessidade de agradecer aos colaboradores da empresa terceirizada Fractal, que presta serviço ao Hugo. Ela conta que os profissionais, durante o contraturno, ou aos sábados e feriados, quando não estavam de plantão, se colocavam à disposição para ajudar, no Senai da Vila Canaã, em Goiânia. “Temos colegas humanos que praticam do serviço de humanização não só dentro da unidade hospitalar, mas também em suas vidas”, define.

O projeto desenvolvido pelo Senai Goiás, em parceria com a UFG, já recuperou cem equipamentos dados como sucateados, em funcionamento, e que estavam em galpões de hospitais de todo o Estado. O Senai Canaã é um dos 45 pontos de unidades operacionais que recebem esses respiradores para manutenção.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui